Tv Correio do Cariri

Governo federal pede plano de trabalho para viabilizar convênio contra seca na PB

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) chamou a atenção das autoridades da Paraíba, nesta segunda-feira (17), para o crescimento do problema da desertificação que já chega a 30 mil hectares no Cariri. A falta de chuvas, o desmatamento, as queimadas, as plantações irregulares e, principalmente, a extração de minério tem agravado a situação. “Precisamos de ações concretas do Governo do Estado que vão desde ações educativas, fiscalização e punição para os que cometem crimes ambientais”, disse.
“Além da falta d’água e o problema de abastecimento na grande maioria dos municípios paraibanos, estamos tendo que conviver com essa nova realidade, a desertificação. Não dá mais para o Governo do Estado fazer de conta que nada acontece. As pessoas estão passando necessidades com esses problemas e nenhuma medida está sendo adotada para solucionar a questão”, destacou o deputado.
De acordo com o arqueólogo e geógrafo, Djair Filho, o processo de desertificação na Paraíba está em nível extremo. Ele alerta que necessário realizar um acordo de cooperação para que a vegetação ainda intacta, como a da Serra do Monte, seja preservada. Os municípios mais afetados hoje com o problema são: Boa Vista, Cabaceiras, São João do Cariri e Boqueirão, onde grande parte da caatinga está sendo devastada.
A preocupação do deputado Tovar Correia Lima também passa pelo atraso nas obras da transposição das águas do rio São Francisco. Segundo ele, a previsão da chegada das águas em Monteiro é abril de 2017, quando a previsão de colapso no açude de Boqueirão já acontecerá em janeiro.
“Esse cronograma não é nada animador, principalmente para Campina Grande e os municípios que dependem das águas do açude de Boqueirão. Além desse problema, contamos ainda com o crescimento de áreas em processo de desertificação. O Governo tem que adotar medidas urgentes”, disse.
De acordo com monitoramento da Cagepa, Boqueirão tem apenas 6,3% de sua capacidade. “Como não podemos ficar esperando, temos que ir a busca de soluções urgentes para amenizar o drama dos paraibanos que já padecem com a falta d’água. Nos próximos dias, iremos acompanhar o prefeito Romero Rodrigues em audiências em Brasília. Entre elas uma com o Presidente da República, Michel Temer, para tratar sobre a necessidade de planejar uma ação emergencial para o problema do açude de Boqueirão”, afirmou.

Fonte:De Olho no Cariri
Governo federal pede plano de trabalho para viabilizar convênio contra seca na PB Governo federal pede plano de trabalho para viabilizar convênio contra seca na PB Reviewed by Hugo Freitas on 14:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Espaço para interação entre os usuários e o Correio do Cariri. É importante salientar que as opiniões expressas não representam a opinião do nosso portal nem de seus organizadores.

Não somos responsáveis pelo material divulgado pelos usuários.

Tecnologia do Blogger.