Tv Correio do Cariri

Hospitais de João Pessoa e Campina iniciam campanha anti queimaduras


Período junino é mais propício para acidentes com fogos e líquidos quentes.
Já foram 502 queimados no estado em 2013.


Com o início do período junino, existe um aumento significativo nos casos de queimados na Paraíba. Por isso, os Hospitais de Trauma de João Pessoa e Campina Grande começaram, nesta segunda-feira (10), campanhas de prevenção às queimaduras. De janeiro a maio de 2013 já foram 502 pessoas queimadas na capital e a média anual é de 1500 casos. Em junho, já foram registrados sete queimados com fogos em João Pessoa; ainda não há um balanço em Campina Grande, de acordo com a cirurgiã plástica do Hospital, Isis Lacerda.


O médico ressalta que o período também é propício para queimaduras com líquidos quentes, não só com fogos de artifício. No caso de qualquer queimadura, é necessário lavar a área com água corrente para higienizar, procedimento que pode, em alguns casos, até diminuir a profundidade da lesão. Saulo Montenegro ainda afirma que deve-se envolver o local machucado com panos limpos e não passar nenhum produto, encaminhando a vítima para o Trauma.Em João Pessoa, a campanha é intitulada 'Marcas que ficam para sempre' e visa minimizar as estatísticas. O diretor da unidade de tratamento de queimados do Trauma de João Pessoa, Saulo Montenegro, explicou que, principalmente nas crianças com idade entre 0 e 12 anos, as sequelas são prolongadas.

Em Campina, a campanha se chama 'Neste São João não acenda o perigo' lançada na Escola Estadual Itan Pereira, também na manhã desta segunda (10). A ação vai até o dia 30 e distribuirá material educativo alertando para o perigo em manusear fogos de artifício inadequadamente. Além disso, haverá palestras educativas nas escolas e panfletagem em pontos estratégicos da cidade.

De acordo com a assessoria do Trauma de Campina, a maior quantidade de queimaduras acontece nas vésperas dos dias de Santo Antônio (12), São João (23) e São Pedro (28), quando a tradição de acender fogueiras e fogos de artifício é maior.

Os dois hospitais de Trauma são referência no tratamento de queimados, mas só João Pessoa possui a Unidade de Tratamento de Queimados (UTQ). Para sanar dúvidas, o contato em João Pessoa pode ser feito através do telefone 3321-5700, o Disque Queimados. Em Campina, pode-se ligar para o 3310-5850, ramal 5906.
Hospitais de João Pessoa e Campina iniciam campanha anti queimaduras Hospitais de João Pessoa e Campina iniciam campanha anti queimaduras Reviewed by Anônimo on 13:45 Rating: 5

Nenhum comentário:

Espaço para interação entre os usuários e o Correio do Cariri. É importante salientar que as opiniões expressas não representam a opinião do nosso portal nem de seus organizadores.

Não somos responsáveis pelo material divulgado pelos usuários.

Tecnologia do Blogger.